livrostr

Livro-01

1) Deus
2) O espírito
3) O erro
4) A partícula espiritual

Este livro trata com simplicidade o tema Deus, fundamental no Ensinamento de Jesus de Nazareth que difunde a Escola Científica Basílio, reconhecida como instituição religiosa.

Concebe a Deus como Única Energia Criadora. Menciona suas qualidades: eterno, etéreo, imutável, soberanamente equânime, supremo, entre outras. É um Deus que nunca tomou corpo e que não castiga a seus filhos, pois o sofrimento é produto do engano do próprio espírito. Quando há compreensão, este pode reparar as debilidades praticadas, sem sofrimento, situação que lhe permite transitar o caminho de evolução para o Criador.

Define, do mesmo modo, ao espírito ou alma como unidade inteligente criada Por Deus com sua própria essência dada nos atributos, e no Fluido Eternidade transmitida a existência infinita. Indica, também, a composição espiritual do Bem.

Continuando, trata o tema da separação ou queda do espírito devido a seu afastamento de Deus, e o processo produzido como conseqüência disso. Esta situação determinou um espaço espiritual no engano e deu lugar a posterior formação da matéria. Também indica a composição espiritual do engano, a natureza da partícula espiritual e a trajetória seguida pela mesma.L


LIVRO 03

Livro-03

1) A Compreensão
2) O Lar

Tráfico de duas conferências que foram que as primeiras com que contou a Instituição, atualizadas em seus términos, mas sem trocar o significado das mesmas, cujos títulos são: A compreensão. O lar.

Explica que a compreensão no homem aciona quando este se encontra dentro de um estado espiritual acessível à ajuda do Bem e o estimula para evitar a rebeldia; fortalece ao ser, lhe impedindo de ter temor ante a tarefa por empreender e lhe brinda o impulso necessário que evita cometer o engano.

Na conferência O lar se expõe que o mesmo se encontra constituído pela união de um homem e de uma mulher que, amparados em seus sentimentos elevados, desenvolvem a família. Nele, os que convivem devem encontrar uma contenção de amor e princípios de retidão onde ninguém se sinta prisioneiro.